/ Blog da ClaimCompass

O que fazer se perder o seu voo de conexão

Nunca podemos ter a certeza de que chegaremos a tempo ao nosso destino, especialmente se a viagem incluir um voo de conexão. Embora todos os aeroportos tenham definida a quantidade de tempo de transferência considerada suficiente para um passageiro fazer a conexão entre voos, o chamado Tempo Mínimo de Conexão, se o seu primeiro voo se atrasar nada garante que conseguirá embarcar no próximo. Eis então o que necessita fazer se isso acontecer.

Peça imediatamente que seja efectuada uma nova reserva

O ideal é ser o primeiro da fila e conseguir falar com um representante da companhia aérea. Nesse caso, não abandone a fila e mantenha a calma (a responsabilidade pelo atraso não é certamente desse funcionário e se for educado e cortez o mesmo tentará seguramente ajudá-lo), e assim a companhia aérea deverá ser capaz de lhe reservar lugar noutro voo. Se outros passageiros já lá tiverem chegado antes, não se preocupe e espere na fila ao mesmo tempo que tenta telefonar para a companhia aérea. Na realidade, é mais provável que obtenha um voo de substituição através do telefone do que esperando uma hora na fila.

O seu direito a receber assistência

Durante o tempo de espera é suposto a companhia aérea fornecer-lhe alimentação e refrescos, uma chamada telefónica e acesso gratuito à internet. Se não lhe tiver sido reservado lugar noutro voo até às 18:00 desse mesmo dia, a companhia aérea deve fornecer alojamento num hotel, bem como os meios para que se desloque do aeroporto para o hotel e vice-versa.

O seu direito a receber uma indemnização

O que afecta o seu direito a receber uma compensação é o facto de ter comprado os bilhetes como parte da mesma reserva ou separadamente.

Reservou a viagem toda de uma só vez (e como tal tem a mesma referência de reserva para todos os voos)? Perdeu a conexão por causa do atraso de um dos voos? Chegou ao seu destino final com um atraso superior a 3 horas? Nesse caso tem direito a uma compensação de:

  • 250€ para voos de até 1.500 km ou 125€ se o atraso na chegada ao destino final for no máximo de até 2 horas em relação ao programado no voo original;
  • 400€ para voos com distâncias entre 1.500 e 3.500 km ou 200€ se o atraso na chegada ao destino final for no máximo de até 3 horas em relação ao programado no voo original;
  • 600€ para voos de mais de 3.500 km ou 300€ se o atraso na chegada ao destino final for no máximo de até 4 horas em relação ao programado no voo original;

No entanto, se tiver comprado os bilhetes em separado e perder um dos voos, será considerado como uma "não comparência" para o próximo voo e não terá direito a qualquer indemnização.

Perder um voo de conexão pode realmente arruinar a sua viagem. O aspecto positivo é o poder tirar proveito da situação, começando por preencher o seu pedido de compensação.

Siga-nos para ter acesso aos artigos mais interessantes sobre viagens!